« Piero di Cosimo | Main | Com a noite »

Jo mai de tu ...

Jo mai de tu no
n’eixirà el silenci.

Un eixam de paraules
et perseguirà arreu.

Esclava per sempre,
dels teus mots.

Montserrat Abelló i Soler

A sua opinião?

Acerca

Esta é uma página de arquivo individual, publicada em 31 de janeiro de 2008.

Post anterior

Post seguinte

Leia também a primeira página, faça uma pesquisa ou navegue através desta página de todos os títulos em arquivo.

pub




Arquivo

&

Primeiro endereço

© 2004/07 Ana Roque | Powered by TubarãoEsquilo | Editado com Movable Type | Top