Modus vivendi

"Werde der du bist."   Goethe

blogue de Ana Roque

27 de Maio de 2024

Faço o que faço, quando quero e como me apetece

Não há arte sem história da arte. Não há pensamento sem filosofia. E não há arte sem história da arte, pensamento, filosofia e curiosidade, que é uma ferramenta importante.

Pedro Cabrita Reis


27 de Maio de 2024

Augustus Edwin John



27 de Maio de 2024

Deixo de lado o sonho

Na folha branca de papel faço o meu risco.
Retas e curvas entrelaçadas.
E prossigo atento e tudo arrisco na procura das formas desejadas.
São templos e palácios soltos pelo ar, pássaros alados, o que você quiser.
Mas se os olhar um pouco devagar, encontrará, em todos,
os encantos da mulher.
Deixo de lado o sonho que sonhava.
A miséria do mundo me revolta.
Quero pouco, muito pouco, quase nada.
A arquitetura que faço não importa.
O que eu quero é a pobreza superada,
a vida mais feliz, a pátria mais amada.
 
Óscar Niemeyer


24 de Maio de 2024

Pego num pedaço de silêncio

Pego num pedaço de silêncio. Parto-o ao meio,
e vejo saírem de dentro dele as palavras que
ficaram por dizer. Umas, meto-as num frasco
com o álcool da memória, para que se
transformem num licor de remorso; outras,
guardo-as na cabeça para as dizer, um dia,
a quem me perguntar o que significam.
Mas o silêncio de onde as palavras saíram
volta a espalhar-se sobre elas. Bebo o licor
do remorso; e tiro da cabeça as outras palavras
que lá ficaram, até o ruído desaparecer, e só
o silêncio ficar, inteiro, sem nada por dentro.

Nuno Júdice


23 de Maio de 2024

René Magritte



23 de Maio de 2024

Deram-me o silêncio

Deram-me o silêncio para eu guardar dentro de mim
a vida que não se troca por palavras.
Deram-mo para eu guardar dentro de mim
as vozes que só em mim são verdadeiras.
Deram-mo para eu guardar dentro de mim
a impossível palavra da verdade.
Deram-me o silêncio como uma palavra impossível,
nua e clara como o fulgor duma lâmina invencível,
para eu guardar dentro de mim,
para eu ignorar dentro de mim
a única palavra sem disfarce –
a palavra que nunca se profere.

Adolfo Casais Monteiro


20 de Maio de 2024

Destino

Não bordo por destino
nem me dobro
Não cedo à mão da vida
nem me encubro
Não cumpro não aceito
nem me calo
Não amo o que é imposto
nem me afundo

Maria Teresa Horta


19 de Maio de 2024

Kandinsky



19 de Maio de 2024

Da condição humana

O romance é melhor do que outras manifestações artísticas, porque explica a condição humana em todos os seus infinitos detalhes, ajuda a compreender o mistério da existência.

William Boyd


18 de Maio de 2024

Sempre e Sem Fim

Detestei sempre os arquitectos de infinito:
como é feio fugir quando nos espera a vida!
Nunca tive saudades do futuro
e o passado… o passado vivi-o, que fazer?!
– e não gosto que me ordenem venerá-los
se eu todo não basto a encher este presente.

Não tenho remorsos do passado. O que vivi, vivi.
Tenho, talvez, desprezo
por esta débil haste que raramente soube
merecer os dons da vida,
e se ficava hesitante
na hora de passar da imaginação à vida.

As pazadas de terra cobrindo o que já fui
sabem mal, às vezes; noutros dias
deliro quando lanço à vala um desses seres tristonhos
que outrora fui, sem querer.

Adolfo Casais Monteiro


17 de Maio de 2024

Augustus Edwin John



17 de Maio de 2024

Subitamente, a sombra

Esta manhã não lavei os olhos – pensei em ti.
Se o teu ouvido se fechou à minha boca
poderei escrever ainda poemas de amor ?
A arte de amar não me serve para nada.
Um fogo em luz transformado.
Subitamente, a sombra.
Há dias em que morro de amor.
Nos outros, de tão desamado,
morro um pouco mais.

Casimiro de Brito (1938-2024)


16 de Maio de 2024

A poesia não é voz

A poesia não é voz — é uma inflexão.
Dizer, diz tudo a prosa. No verso
nada se acrescenta a nada, somente
um jeito impalpável dá figura
ao sonho de cada um, expectativa
das formas por achar. No verso nasce
à palavra uma verdade que não acha
entre os escombros da prosa o seu caminho.
E aos homens um sentido que não há
nos gestos nem nas coisas:

voo sem pássaro dentro.

Adolfo Casais Monteiro


14 de Maio de 2024

Herbert Bayer