« Solidão a duas vozes | Main | Stieff »

Insônia

Logo adormecerei, vendo o sol suave e determinado.
Cumprirá o grande astro sem tristeza nem alegria
o seu papel de luz para este mundo amargo.
Terei sonhos tranqüilos e o desejo de vida.
Serei parte da manhã que se inicia
numa realidade paralela, desmedida.
Sonharei o calor que me envolve
e me verei Sol. E serei Dia.

Adrianne Fontoura

A sua opinião?

Acerca

Esta é uma página de arquivo individual, publicada em 27 de fevereiro de 2008.

Post anterior

Post seguinte

Leia também a primeira página, faça uma pesquisa ou navegue através desta página de todos os títulos em arquivo.

pub




Arquivo

&

Primeiro endereço

© 2004/07 Ana Roque | Powered by TubarãoEsquilo | Editado com Movable Type | Top