« máscara | Main | Stieff »

Brilho do amanhecer

d' água que brota na fonte do ser

vou saciar a sede eterna
cantar com a chuva mansa
cambiar sentimentos
tudo que ilumina o sorriso criança

serei as asas
orvalhadas
nas águas cristalinas de suas retinas
gritarei seu nome ao infinito
completar o nada
com o brilho do amanhecer

José Geraldo Neres

A sua opinião?

Acerca

Esta é uma página de arquivo individual, publicada em 02 de março de 2008.

Post anterior

Post seguinte

Leia também a primeira página, faça uma pesquisa ou navegue através desta página de todos os títulos em arquivo.

pub




Arquivo

&

Primeiro endereço

© 2004/07 Ana Roque | Powered by TubarãoEsquilo | Editado com Movable Type | Top