« Representação do Modus | Main | Amores »

Escuta o vento

Folha que escuta o vento o som do muro
erguido ao sol da erva nuvem clara
feita o instante verde a pedra rara
sobre o anel do tempo e do futuro.

Boca do ar espuma das palavras
na janela do fogo abelha pura
voando sobre os beijos mão que lavras
na polpa das cerejas a mais pura

morte que se escreve com a mágoa
do medo sobre o rosto a longa asa
rasando os lábios soltos pela água
de quem faz com versos uma casa.

Joaquim Pessoa

A sua opinião?

Acerca

Esta é uma página de arquivo individual, publicada em 15 de março de 2008.

Post anterior

Post seguinte

Leia também a primeira página, faça uma pesquisa ou navegue através desta página de todos os títulos em arquivo.

pub




Arquivo

&

Primeiro endereço

© 2004/07 Ana Roque | Powered by TubarãoEsquilo | Editado com Movable Type | Top